quinta-feira, 22 de maio de 2014

‘Pivô’ na Eurásia 

 
21/5/2014, Pepe Escobar, 

Escrevo de São Petersburgo, cidade na qual, nas próximas horas e dias, haverá diversão da boa, garantida. 


O timing para firmar o negócio de gás acordo Rússia-China de $400 bilhões em Xangai, não poderia ser mais ESPETACULAR. É coisa IMENSAMENTE estratégica. Primeira coisa que fiz hoje cedo, mal cheguei ao aeroporto Schiphol, desembarcado em São Petersburgo, foi procurar jornais. A primeira página do Wall Street Journal, noticiava, pode-se dizer que com algum júbilo, “Negócio Rússia-China de gás emperrou”. Dois telefonemas depois da manchete precipitada, estava tudo resolvido, selado, assinado e confirmado. 


Significa, dentre muitas outras coisas, que as sanções de EUA/UE contra Moscou já têm de ser analisadas pelo que realmente são: piada. 


Analisem a declaração conjunta Rússia-China sobre a Ucrânia; é crise “doméstica”.  “É indispensável que se encontrem ou se criem meios pacíficos, políticos, para resolver problemas que surjam.” 

Entrementes, o primeiro-ministro Medvedev disse à TV Bloomberg que sim “estamos andando lenta mais com certeza na direção de uma segunda Guerra Fria”. Subtexto: é o que Washington deseja. 


Analisem então o que Xi disse a Putin: “O desenvolvimento posterior de uma parceria ainda mais ampla entre Rússia e China, com cooperação estratégica baseada nos interesses mútuos e ditada pela necessidade de promover justiça e igualdade no mundo, manter a paz no planeta, e pela necessidade de alcançar a prosperidade conjunta da China e da Rússia, é escolha inevitável que brota do próprio processo de formação de um mundo multipolar.” 


E analisem o que disse Putin, sobre o progressivo ultrapassamento do petrodólar: “Estamos trabalhando para aumentar a quantidade de pagamentos que serão feitos em moedas nacionais, e planejamos considerar novos instrumentos financeiros.” 


É coisa grande, MUITO, MUITO GRANDE, mais do que se pode ver neste momento. Quase nem se acredita! Moscou completou o mais elegante e perfeito pivô estratégico na direção da Ásia e a China bailou junto, em perfeita harmonia. 

Parabéns, governo Obama: vocês são excepcionais no basquetebol. *****
Pepe Escobar



muito obrigado à Vila Vudu.
Coletivo de Tradutores Vila Vudu